AMAR A TI MESMA NÃO É SÓ REBUÇADOS

AMAR A TI MESMA NÃO É SÓ REBUÇADOS

Nem sempre amar a ti mesma são momentos teus, com livro e café, nem sempre é passear e relaxar, nem sempre é estares com quem amas e fazeres o que gostas.

Amar a ti mesma é também abdicares de quem não te faz bem, é não estares num lugar que te martiriza, é perdoares a ti mesma por aquilo que sentes que fizeste menos bem e por tantas vezes sentires que não és perfeita. E não, não és e no fundo é isso que te oferece a perfeição.

Amar a ti mesma é seres tolerante contigo nas tentativas que às vezes frustram, é dares-te mais uma, duas, três ou todas as oportunidades de tentares de novo quando sentires que erraste.

Amares a ti mesma é também permitires-te fazer diferente daquilo que a sociedade, a família ou os amigos te dizem para fazer. É por vezes ires para a cama às 20h ou ficares em casa a ver a tua série preferida. É teres os teus dias nublados, chorosos, zangados e seres compassiva contigo. É não teres de agradar a toda a gente, é estares contigo quando mais ninguém está.

Amares a ti mesmo é isso: É saberes que em ti vivem as tais duas faces da mesma moeda, que és sol mas que também és chuva e tempestade e que está tudo bem, porque te amas e és completa assim!

3 thoughts on “AMAR A TI MESMA NÃO É SÓ REBUÇADOS

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s