9 DICAS PARA UMA RELAÇÃO (MAIS) CONSCIENTE

9 DICAS PARA UMA RELAÇÃO (MAIS) CONSCIENTE

SONY DSCUma relacionamento consciente é aquele em que cada um olha para a relação e para si mesmo dentro de uma relação e que apesar das diferenças que cada um possa ter, ambos procuram o mesmo e contribuam de forma equilibrada para um bem comum. Afinal, quando temos uma relação, é porque escolhemos caminhar ao lado de alguém, é porque olhamos na mesma direção, é porque ao longo do percurso apoiamos quem nos acompanha e somos apoiados. É porque cada um faz a sua parte e ninguém carrega a parte de ninguém e porque ambos acreditam que por amor a si próprios e ao outro vale a pena ultrapassar as adversidades e desfrutar de cada passada.

Hoje deixo-te aqui alguns pontos para uma relação consciente:

Ouvir – numa relação é importante que cada um possa partilhar o que lhe vai na alma e que o outro esteja disposto a ouvir. Ouvir é um ato de amor, pois abres o teu coração tanto para ouvir como para ser ouvida.

Responsabilidade – cada um assume o seu papel na relação, assume responsabilidade por si mesmo e assim poupa-se de acusações ao outro pelo que lhe está a acontecer. Se acusas o outro de algo, vê em que medida te estás a desresponsabilizar da tua parte.

Escolha – Estar numa relação é uma escolha… Mais uma vez, uma escolha responsável e onde só deves estar se te nutrir. Com isto não estou a dizer que não haja desafios, isso faz parte das transformações da relação, mas quando acontecem, é importante que se ultrapassem juntos. Se não te faz bem, escolher não estar é um ato de amor por ti.

Aceitar – aceitar o outro como é! Se não o aceitaste é porque em algum momento viveste de fantasias e expectativas que depois não corresponderam à realidade e isso foi porque talvez não tenhas olhado para o outro tal como ele é. Amar é aceitar. Quando aceitas o outro, a relação fortalece, se procuras mudar o outro para a forma como gostarias que fosse, isso traz conflito e, convenhamos, no fundo não amas o outro tal como é, amas a fantasia que tens e assim não vale a pena estar. Aceitar é respeitar a individualidade de cada um.

Admirar – O que admiras na pessoa que amas? O que ela admira em ti? Aquilo que se admira é um dos pontos que é importante fortalecer! Admirar é uma das chaves das relações saudáveis.

Projeto – quais são os vossos gostos em comum? O que gostam de fazer juntos? Ter um projeto na relação, um gosto em comum, é uma linha de direção na relação. Pode ser um, podem ser vários e podem transformar-se ao longo do tempo. Qual é o vosso projeto comum?

Individualidade – Por mais prazeroso que seja estarem juntos, tenham momentos de individualidade para apenas “ser”, para se ouvirem a vocês mesmos, para momentos com família e amigos. Isto ensina a respeitarem o espaço um do outro e fortalece a relação, pois quando estiverem juntos, será com novidade e vontade!

Confiar – uma relação saudável assenta em confiança e não em controlo. Se tens tendência a controlar os passos do outro, pergunta-te o porquê dessa insegurança e se for necessário procura ajuda para trabalhar sobre esse aspeto, pois essa insegurança é tua e não do outro e neste aspeto, primeiramente não estás a confiar em ti, no teu valor. Amar é confiar, é acreditar, é saber que tens valor e que o outro quer estar contigo!

Adaptar – sim, tu adaptas-te ao outro e o outro a ti, aprender a dar os passos de uma dança a dois, conhecendo os gostos de cada um, os defeitos, as qualidades, vão-se moldado e adaptando e deixa-se fluir.

~

Encontros Mulheres de Alma: mais informações aqui. Curso Para Seres Feliz, mais informações aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s