6 DICAS PARA NÃO PENSARES DEMAIS E RELAXARES A MENTE

6 DICAS PARA NÃO PENSARES DEMAIS E RELAXARES A MENTE

SONY DSC

Nos dias que correm nem sempre é fácil manter a nossa mente calma. Mil e uma coisas para fazer, em áreas completamente distintas, pouco sono e relaxamento ao longo do dia, pouco tempo para atividades que nos abstraem das preocupações. Tudo isso cria aquela “bola de neve”, cansaço mental, mau estar físico e emocional. Não conseguimos pensar com clareza e parece que só conseguimos ver o quadro negro, sentimo-nos fisicamente cansados, sem vitalidade e, claro, muito irritados.

Para o nosso corpo, este estilo de vida é interpretado como um cenário de alerta, no qual temos de estar sempre atentos ao mais ínfimo detalhe num ambiente repleto de estímulos externos. Todo este panorama nos apresenta uma realidade diária muito negativa e pessimista. Não é uma realidade coletiva, é a realidade de cada um que tenha este estilo de vida, porque basta olharmos à nossa volta e há sempre aquele ser que vemos como abençoado, super calmo e com o que parece que são zero preocupações. Por isso, hoje resolvi trazer-te estas dicas para que possas relaxar a tua mente e perceberes como tudo muda à tua volta e em ti mesmo, na medida em que procures sentir-te melhor no teu dia a dia.

Toma consciência

Observa os teus pensamentos, repara no que estás a pensar, principalmente se for algo que te preocupe. Procura “ver de fora” como se fosses uma personagem externa e toma consciência porque motivo isso interfere na tua vida. A maior parte dos nossos pensamentos são situações que não aconteceram mas quando nos fixamos neles, transmitimos-lhe força e atenção. Como eu costumo dizer, estamos a criar um filme que ainda não aconteceu e que nos provoca mau estar, medo e desgaste gratuito. Quando isto acontecer, percebe que é apenas um pensamento, olha para ele e questiona “isto é real?” e substitui-o por outro que te faça sentir bem.

Vive o momento (não o passado, nem o futuro)

Enquanto te distrais no como foi, não estás a aproveitar o momento presente. Enquanto te distrais no como será, da mesma forma, não aproveitas o agora! O “presente” é mesmo um presente que a vida tem para ti a cada momento. Focares-te no antes e no depois só te vai desgastar, porque o passado já lá vai, o futuro ainda não chegou e, mais uma vez, corres o risco de olhares para ele através das lentes escuras e isso pode bloquear o teu agora. Afinal, se houver medo do futuro, quem quer avançar? A certeza é o agora, por isso vive-o, para que amanhã não lamentes o tempo que não aproveitaste hoje.

Atividades positivas

Meditar, dançar, passear, ginasticar, relaxar… O que tu gostares e com aquilo que te identificares! Quando estamos emaranhados nos nossos pensamentos (tantas vezes negativos), quanto mais pensamos pior é, ficamos com uma sensação de prisão à nossa volta. Quando isto acontece não há nada como sair desse contexto, ir fazer outra coisa, outra atividade, principalmente que te faça sentir bem e relaxe. Atividades que exercitam o corpo são excelentes porque quando estamos com excesso de energia na mente, é uma ótima ajuda que esse excesso possa ser libertado através do corpo. Obviamente a meditação também pode ajudar, porque te ajudará a abstrair do contexto e dos pensamentos que estás a ter.

Não queiras ser perfeito

Procurar viver a perfeição é algo que não te deixa ser quem realmente és. É procurar atingir algo inatingível e que na medida dos teus padrões de perfeição, te irá trazer frustração, negativismo, impotência e claro, a tua mente no limite, porque estarás a procurar fazer as coisas sempre muito e demasiado bem!

Aceitares-te como és, as tuas perfeitas imperfeições, oferece leveza à tua vida, a oportunidade e a abertura de aprender com cada experiência e clareza mental, porque quando te permites seres como és e aceitas quem és, podes relaxar.

Fala o que estás a sentir

Desabafar permite com que ao mesmo tempo te possas ouvir, é como ir desfazendo um novelo enrolado e podes, de repente, encontrar as respostas que procuras. Podes sim falar com alguém da tua confiança ou um profissional que te possa apoiar e orientar. Tantas vezes quando o que nos ocupa a mente “sai de cá de dentro” percebemos que, afinal, os nossos medos estavam a inflamar ainda mais a situação. Também podes escrever, quando escreves conscientemente as tuas preocupações, percebes que ao olhar para o papel, tudo se organiza mais facilmente, tanto fora como dentro de ti.

Sê grato

Começa por criar a rotina de agradecimento. Ou seja, procura tomar atenção às pequenas coisas boas que acontecem ao longo do teu dia, por mais pequenas que sejam. Pelo sol, por um sorriso, por um elogio, por estares com quem gostas. Vais perceber que te sentirás melhor contigo mesmo, o teu corpo vai sentir esse bem estar! Temos o mau hábito de nos queixarmos de tudo e não agradecermos à vida as bênçãos que temos a cada minuto. Começar a adoptar este novo hábito faz magia na tua vida!

Deixo-te um exercício, logo pela manhã, mal abras os olhos, começa por agradecer a noite de sono, o dia que tens pela frente, a oportunidade de estares vivo e em segurança. À noite, arranja um frasco e em post-its agradece pelo menos 5 coisas boas do teu dia. Enche esse frasco dia após dia e vai vendo como aos poucos tens mais para agradecer do que pensavas. A tua mente vai também agradecer-te por isso 😉

Espero que gostes do artigo, que te possa apoiar e se tens mais sugestões, partilha!

Workshop Online Bem me Quer, Mal Me Quer dia 8 de Março, sabe mais aqui.

Filipa Martinho – Consultas de desenvolvimento humano de carácter pessoal, orientação e aconselhamento via Skype. Cursos e workshops de autoconhecimento presenciais e online. Sabe mais aqui. Queres agendar uma consulta ou participar numa formação? Entra em contacto por aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s