A LUZ DA SOMBRA

A LUZ DA SOMBRA

SONY DSCHá partes de ti que não gostas, não aceitas e escondes ou disfarças. Não vale a pena negar, eu sei, a mim acontece-me o mesmo. Comportamentos, atitudes e pensamentos que preferimos abafar e, curiosamente, quanto mais o fazemos, mais força ganham. Acabamos por ver isso nos outros e criticamos, ganhamos raiva, porque não queremos aceitar, não podemos sequer assumir que nas nossas profundezas uma parte de nós também é assim!

Desde cedo podemos ter ouvido o que não queríamos, talvez os nosso maiores dons e talentos tenham sido negados e criticados. Por algum motivo, decidimos acreditar e, por isso, reprimimos. Reprimimos partes nossas que agora temos dificuldade em aceitar e por isso escondemos na escuridão, esperando que jamais possam ser encontradas! Mas sabes, não dá, não é possível, porque lá no nosso submundo interno, ouvem-se as vozes dessas feras revoltadas, esperando de alguma forma serem reveladas! Sim, essa é a jornada, esse é o propósito: pegar na nossa lanterna interior e permitir percorrer esse nosso caminho sombrio e ir descobrindo compassivamente essas nossas partes enclausuradas. Só quando o fizermos amadurecemos, porque os outros deixam de ser os nossos alvos de ataque. Pois, é verdade, “só reconhecemos nos outros aquilo que também nós temos” e, por isso, custa-nos tanto aceitar que aquilo que criticamos no outro, também pode estar em nós, mas podemos aproveitar isso para nos conhecermos melhor e transformar as partes de nós que negamos. A boa notícia é que o que admiras nos outros, também está em ti. Pode, da mesma forma, estar escondido mas a pedir para ser revelado e assumido!

Não temas essas partes de ti, pois essa também és tu. Descobre-te, revela-te, aceita-te, reconhece-te, deixa-te ir ao mais profundo da tua alma para que possas trazer à luz aquilo que mais escondes, para que te possas transformar. Porque sabes, aposto que nesse teu lado sombrio, está muita da tua própria luz, aquele teu brilho que receias revelar mas que, na realidade, é a razão de teres nascido!

Estamos em Novembro, mês dos dias mais curtos, do recolhimento, do signo de escorpião. Estamos a ser convidados a ir ao profundo de nós, conhecendo-nos melhor, fazendo a limpeza necessária à nossa cave interna para podermos renascer mais completos, mais plenos. Resistimos porque mais do que temer o nosso lado escuro, tememos o nosso brilho e, por isso, deixo-te este belíssimo texto da Marianne Williamson (aproveita uma destas belas tardes chuvosas para ver este fabuloso documentário: “O Efeito Sombra”)

“O nosso maior medo não é o de sermos incapazes. O nosso maior medo é o de descobrir que somos muito mais poderosos do que pensamos. É a nossa luz e não as nossas trevas que mais nos assusta. Vivemos a perguntar-nos: quem eu julgo que sou para ser brilhante, sedutor(a), talentoso(a), fabuloso(a)? Na verdade, quem é que eu julgo que sou para não o ser? Procurar ser medíocre não ajuda em nada o mundo ou os nossos filhos. Não existe nenhum mérito em diminuir os nossos talentos, apenas para que os outros não se se sintam inseguros e diminuídos ao nosso lado. Nascemos para manifestar a glória de Deus, que está em todos e não apenas em alguns eleitos. Quando assumimos essa glória, inconscientemente damos permissão para que os outros também possam manifestá-la! Quanto mais livres formos, mais livres tornamos aqueles que nos cercam!”

Vê o meu primeiro vídeo no Youtube “Inspiração vs Motivação” clicando aqui.

 

Se sentes que a tua é difícil enfrentar a tua sombra sozinha, fala comigo. Consultas de desenvolvimento humano de carácter pessoal, orientação e aconselhamento via Skype. Cursos e workshops de autoconhecimento presenciais e online. Mais informações aqui.

Consultas de desenvolvimento humano de carácter pessoal, orientação e aconselhamento via Skype. Cursos e workshops de autoconhecimento presenciais e online. Mais informações aqui.

 

 

 

One thought on “A LUZ DA SOMBRA

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s