FÉRIAS… PARA QUÊ?

FÉRIAS… PARA QUÊ?

4ff9d0_0423e380d1ce4fbda4a1a8519d914eb0-mv2_d_4592_3056_s_4_2.jpgFinalmente chegam aqueles dias tão ansiados após quase um ano de trabalho: as férias de verão. Tornam-se especiais porque habitualmente são alguns dias seguidos, aquecidos por sol, refrescandos por mar ou piscina e onde, à partida, poderemos desfrutar do tal “dolce fare niente”.
Às vezes ainda vindos do ritmo frenético do trabalho temos alguma dificuldade em “desligar”, por vezes queríamos imediatamente tudo calmo à nossa volta e isso não acontece porque naturalmente – e a não ser que o local de férias seja um retiro no Tibete -, temos ainda  muito alarido à nossa volta. Seja porque vamos com sobrinhos e filhos, seja porque marcamos férias com amigos ou familia e percebemos que afinal queríamos estar sozinhos, seja porque onde quer que vamos encontramos movimento e filas por todo o lado e às vezes até um espirro de alguém que está ao lado pode incomodar. Tudo isso resultado de um ritmo demasiado acelerado ao longo de meses que depois queremos e procuramos abrandar à força. Não conseguir fazê-lo pode tornar-se frustante porque se por um lado nos incomodamos, por outro nem nos apercebemos que neste estado vamos perdendo cada minuto daquilo que tanto esperamos e os dias passam rápido e passado pouco tempo tudo volta à rotina do costume e recomeçamos mais cansados que antes, mais desmotivados que antes e a lamentar-nos por aquilo que podiamos ter ou não feito.
A forma como encaramos tudo o que se manifesta nas nossas vidas é uma escolha nossa e apesar das adversidades, perceber, tirar partido e aprender com cada momento é uma dávida. Assim, vamos aproveitar ao máximo esses  dias magníficos e, para além de descansar, tornar cada momento das férias ainda melhor!
Desligar
Do telemóvel, da televisão, das preocupações, a mente e o discurso baulhento. Desligar hoje em dia não é efetivamente tarefa fácil porque estamos em constante modo “on” e quando finalmente queremos fazê-lo parece que nada à nossa volta pára, iclusivé os nossos pensamentos que nos vão sempre lembrando do que deixamos pendente. E o que ficou pendente é realmente importante? Pode esperar? Provavelmente pode, caso contrário não teríamos tido a coragem para vir de férias. Então deixa a preocupação para lá, porque das duas uma, ou ficávamos e resolvíamos, ou não vamos agora estragar as férias simplesmente a pensar no que fazer. Tem tempo quando voltarmos, porque aí, se efetivamente conseguirmos relaxar, estaremos mais calmos para resolver o que for sem stress e com maior descernimento!Vamos respeitar deliciosamente este nosso tempo, estes nossos dias  (até desculpo se não lerem este post porque… estão “desligados”).
Tolerância/Paciência
É tão engraçado que quando estamos de férias vemos muita gente irritada e stressada porque espera no trânsito, na fila do supermercado, no escorrega do parque aquático, ou no multibanco, ou para comprar um gelado… Isto até é irónico, porque se estamos no trânsito ou na fila do supermercado ou no parque aquático é porque estamos de férias! E desgasta-se assim ao desbarato a preciosa energia com irritações sem nexo para quê? Provavelmente porque ainda estamos no ritmo da rotina do stress diário onde estamos sempre com pressa e nem nos apercebemos que agora o estado de espírito deveria ser outro. Tolerância e paciência connosco mesmos, com quem nos rodeia e quando estivermos numa situação destas pensar: “sim, estou na fila, mas calma estou de férias”. Sim, eu sei que não queremos perder tempo em pequenas coisas, mas isso vai dar-nos a recompensa de, por exemplo, saborear o tal gelado, por isso são as tais esperas que valem a pena!
Balanços
O último quadrimestre do ano tem esta espécie de reflexo de se tornar como que a última volta da etapa, aquela em que temos de ir com tudo antes do ano terminar. Então, sem pressa, naqueles momentos de sesta ou toalha de praia, podemos avaliar o que fizemos até aqui, que mudanças vamos querer estabelecer e objetivos cumprir nestes últimos meses do ano. Isto porque setembro, tem um “quê” de janeiro. Aliás, para muitos é até mais nesta altura que o ano inicia, tal como nas escolas e após uns bons dias de descanso, esperamos regressar com a “bateria recarregada” para então cumprir com o que nos propusemos. Por isso: há mudanças que quero fazer? Há algo de novo que espero começar? Há reformulações a concretizar? Sim, as férias podem dar-nos esse tempo para balancear, a motivação e o incentivo que tanto precisamos para regressar em força. Vamos aproveitar?
Valorizar cada momento
Valorizar, porque a nossa rotina diária por vezes torna-se tão automática e preenchida que não conseguimos ter o tempo que gostaríamos para namorar, estar com os amigos, com a família, sair, divertir, dançar, nadar, passear, ir a festas, feiras e concertos, visitar outros locais ou localidades, tomar café depois da meia noite, descansar, relaxar, dormir e ressonar. E agora finalmente temos esse espaço e tempo para fazer o que nos for possível e principalmente valorizarmos cada um desses momentos, cada um desses detalhes. Tantas vezes olhamos para o lado e vemos pessoas que não aproveitam os momentos. Zangas, desafios e conflitos naquele período a que se chama férias e para quê? Dentro de dias tudo já terá terminado e como nos vamos querer sentir? O que vamos querer guardar na lembrança? Valorizar cada momento, mas cada momento mesmo. Como eu disse no início, a forma como encaramos cada acontecimento da nossa vida é da nossa responsabilidade, é uma escolha nossa, por isso o quanto podemos aproveitar e desfrutar de cada momento, diz-nos respeito a nós.
Se ainda estão para ir de férias, aproveitem esses dias muitos bem se já estão de regresso, espero que tenham sido maravilhosas!
Obrigada por estarem aí. Em breve novidades para vocês.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s