AS 4 VERDADES

AS 4 VERDADES

SONY DSCSão várias as ferramentas que vamos utilizando diariamente e que contribuem para o nosso autoconhecimento. Podem ser adquiridas através de livros, cursos, workshops e vamos procurando com isso conhecermos melhor quem somos, ser mais conscientes e evoluir no caminho! Estamos também conscientes de que o autoconhecimento é um processo e que não é finito, no entanto, é aquilo que nos dá sentido de vida e é esse o propósito da nossa jornada.
De entre as várias ferramentas disponíveis, há uns dois anos, apresentaram-me as “quatro verdades toltecas”. Ensinamentos ancestrais dos Toltecas, uma tribo nativa do México que há dez mil anos procuravam a liberdade pessoal e espiritual e percebemos através destes conhecimentos que podemos melhorar o nosso dia a dia com ensinamentos tão simples de aplicar… porque a vida é mesmo isto, simples!
Primeira verdade: “Sê impecável com a tua palavra”
Sempre ouvi dizer que “as palavras têm força” e têm mesmo! As nossas palavras têm intenção, têm o poder de criar e manifestar o que desejamos e, claro, o que não desejamos também, pois depende daquilo que dizemos e a intenção com que o fazemos. É importante que cuidemos as nossas palavras pois aquilo que verbalizamos influência a forma como vivemos. Uma expressão muito interessante dizia: “se comesses as palavras que proferes, estas te nutririam ou envenenariam?”. Ter consciência daquilo que dizemos e como o dizemos, pode tornar-se um excelente exercício para nos conhecermos melhor.
Segunda verdade: “Não leves nada a peito”
Esta verdade deriva da primeira. Dependendo daquilo que nos dizem, nós podemos escolher levar isso a peito ou não, mas a nossa escolha influência totalmente a nossa forma de viver!
Quando levamos a peito algo que nos dizem, perdemos força e poder e é como se a entregássemos ao outro. É como se acreditássemos no que nos diz. Permitimos que interfira na nossa vida e como a vivemos.
A forma como os outros agem, pensam ou falam, tem a ver com elas e não connosco. Tem a ver com os seus modos de vida, as suas fragilidades e carências. Por isso, deixemos com eles o que é deles.
Além do mais, se cada um de nós tiver consciência de quem é e do seu próprio valor, não é o que o outro diz que vai por isso em causa, pelo contrário, tendo consciência de quem somos, permite-nos ter a nossa força e poder pessoal e assim ganhamos imunidade “ao que vem de fora”.
Terceira verdade: “Não tires conclusões precipitadas”
Ou por outras palavras “não faças suposições”. Já perceberam o quanto a nossa mente é poderosa e cria os seus próprios filmes como se de verdades se tratassem? Esse é o risco da suposição, acreditarmos que aquilo que supomos seja verdade e vivermos de acordo com isso. Aliás, como se não bastasse, há suposições que criamos e ainda as levamos a peito. Quando o fazemos, perdemos a perceção real das coisas, acreditando que as outras pessoas têm a mesma visão do mundo que nós!
Se calhar, uma boa solução será supor menos, perguntar mais, falar mais sobre as nossas questões ou dúvidas… com palavras cuidadas!
Quarta verdade: “Dá sempre o teu melhor”
Esta verdade é aquela que nos permite realizar as anteriores, pois é a verdade da ação. Darmos o nosso melhor, tendo consciência que há dias em que o nosso melhor será mais e noutros dias que será menos, pois a vida também está sempre a mudar e nenhum dia é igual ao outro. Por isso, dar o nosso melhor não implica darmos o máximo ou o mínimo culpando-nos por isso! Dar o nosso melhor é isso mesmo: viver em função do que nos faz sentido, com consciência  que é o nosso melhor, sem exigência, nem expectativa, nem arrependimentos. Dizer apenas: “Dei o meu melhor”!
Que tal adotarmos estas quatro simples verdades no nosso quotidiano?Aproveita e lê mais sobre o tema no livro “As Quatro Verdades” de Don Miguel Ruiz, é daqueles livros simples de ler cujo conteúdo se absorve facilmente!

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s