SEMANA DETOX #1

SEMANA DETOX #1

DSC01472-1.jpgEstas últimas semanas podem ter sido intensas a vários níveis. Talvez tenha sido assim em 2016, não cuidamos do corpo como deveríamos, as nossas emoções podem ter estado ao rubro, os nossos pensamentos negativos, a nossa alma triste! Um ano novo traz sempre a esperança de que tudo seja melhor, por isso criamos tantas novas intenções quando começa. Mas para que isso seja efetivo, é importante antes de tudo “limpar a casa” interna e externa, tirar o que já não interessa para que o novo possa entrar. Não faz sentido ir de ano para ano com as mesmas bagagens, há coisas que têm de ir ficando para trás ou, caso contrário, o peso será demasiado para conseguirmos avançar ao ritmo que desejamos.

A minha proposta para esta semana é desintoxicar o corpo, a mente, o espírito para, desta forma, criarmos um “espaço” em nós que seja saudável e nutridor. Sabemos bem o quanto nos sentimos realizados quando criamos hábitos que nos favorecem, o que é natural, pois estamos a cuidar de nós mesmos e a isso chama-se amor próprio.

Podemos começar a nossa desintoxicação por qualquer área (corpo – mente – espírito). Afinal, tudo se relaciona em nós e todas estas áreas têm efetivamente o mesmo grau de importância. Porque tinha de começar por alguma área, escolhi aquela que é mais visível, o corpo!

Exercício físico

É de facto verdade, o nosso corpo precisa de movimento. A forma como cuidamos o nosso corpo, espelha bem o cuidado que temos para connosco. A postura corporal demonstra a forma como pensamos e como nos sentimos. E está mais do que provado que quando exercitamos o corpo são produzidas hormonas no nosso organismo, como a serotonina, a endorfina e a adrenalina que contribuem fortemente para o nosso bem estar e boa disposição.

Digo muitas vezes aos meus clientes: “se sentes a tua vida parada, move-te”. Faz qualquer exercício, principalmente que te dê prazer e se numa fase inicial não der, insiste, pois pode apenas ser um sintoma de quem sai da área de conforto. Pode ser através de algo tão simples como uma caminhada, como através de exercícios mais sofisticados num ginásio. Não gostas de ginásio? Hoje a internet tem inúmeros exercícios que podes fazer facilmente em casa. Ou então pratica outras modalidades (estas eu gosto muito) como a dança, tai chi, yoga, TRX, desportos em equipa, zumba (que está tão na moda). Não importa, nem que experimentes 100 modalidades até encontrares algo com que te identifiques, o que importa é fazer. Sim, pela saúde, mas também pela tua vida. Se tu paras, ela pára! Move-te.

Alimentação

Também o que comes e como comes importa. Hoje em dia há imensas dietas de tudo e mais alguma coisa. Isso pode causar imensa confusão, ao ponto das pessoas não saberem mesmo o que devem comer. No entanto, e em várias que conheço, há aspetos em que todas estão de acordo. Eliminar açúcar branco, trigo e laticínios por serem alimentos pró-inflamatórios (nem que seja por um período curto de tempo). Nisto, eu estou de acordo. Eliminei os 3 da minha alimentação há algum tempo.

Hoje em dia há imensos substitutos ao açúcar branco (como mascavado, açúcar de coco, geleia de arroz, agave, milho). Em relação ao trigo, pode substituir-se por tantas outras farinhas (arroz, coco, espelta, kamut, trigo sarraceno) e também já existem variados substitutos para os lacticínios (bebidas de aveia, arroz, espelta), como também outras variantes de queijo e iogurtes. O cálcio? Legumes de folhas verdes! E eles ficam tão bem em sopas, acompanhamentos e em batidos. Espinafres, couves, brócolos, acelgas, por exemplo, também são ricos em vários tipos de vitaminas e fibra. A maioria contém também clorofila que desintoxica as células e inibem os radicais livres.

Já que estamos a falar de detox, algo fabuloso, simples de fazer e que aquece o coração é a sopa miso, típica japonesa, que encontramos em muitos restaurantes japoneses mas que pode ser facilmente preparada em casa. Os benefícios são inúmeros. Além de rica em vitamina B12, E, K, cálcio e ferro, facilita a digestão, fortalece o sistema imunitário e é também rica em antioxidantes, auxiliando na desintoxicação do organismo. Excelente para esta altura do ano, após alguns excessos. Algo que também recomendo é a fruta. Qualquer peça de fruta é ótima, mas se quiseres aposta um pouco mais nos frutos vermelhos, pois são ricos em vitamina C, possuem antioxidantes, fortalecem o sistema imunitário e facilitam a produção de colagénio (excelente para a pele).

No meio de tudo isto, não pode faltar água! Se estivermos a desintoxicar o organismo, as toxinas necessitam de ser eliminadas e só a água facilita este processo. Sei que é inverno e, como é o meu caso, existe muita dificuldade em beber água fria. Por isso, preparo infusões e ando com a garrafa termos comigo ao longo do dia. Além disso, todas as manhãs mantenho o meu ritual sagrado de tomar o meu chá com óleo essencial de limão.

Podes também integrar em todo este processo homeopáticos, suplementos vitamínicos ou oligoelementos, mas nestes casos recomendo que procures alguém da especialidade que te possa orientar devidamente. Mesmo em relação à alimentação, e se queres começar o ano a fazer tudo direitinho, podes consultar sempre um especialista na área que te vai orientar de acordo com as tuas necessidades particulares.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s